Um manual para fazer pós-graduação nos Estados Unidos

COMPARTILHE

Sim, eu quero fazer pós-graduação nos Estados Unidos e conquistar meu Master’s Degree! Esse mantra acompanha muitas pessoas que sonham com novas oportunidades de carreira. A boa notícia é que transformar esse sonho em realidade pode ser mais fácil do que você imagina. O plano é crescer profissionalmente com um curso de especialização em uma universidade americana, certo? Então, vamos colocar em prática!

Afinal, o que eu preciso saber para fazer pós-graduação nos Estados Unidos?

O processo seletivo nas instituições de ensino dos EUA é um pouco diferente, mas a Eagle Intercâmbio descomplica pra você!

PRÉ-REQUISITOS

Se você está interessado em fazer pós-graduação nos Estados Unidos, tenha em mente que os requisitos podem mudar conforme as regras de cada instituição, principalmente em relação à demanda por inglês avançado e o aproveitamento no histórico acadêmico. Como são muitos bacharéis concorrendo às vagas, é preciso selecionar aqueles que se sobressaem no campo escolhido, com destaque para aqueles que se dedicam à pesquisa e aos estudos avançados na língua inglesa. Os candidatos devem apresentar os seguintes documentos:
  • formulário de inscrição (impresso ou online);
  • diploma de Bacharelado no Brasil;
  • histórico escolar;
  • carta de recomendação;
  • declaração do propósito (carta que descreve a intenção de fazer pós-graduação nos Estados Unidos);
  • teste de proficiência do idioma para checar se o estudante está apto para realizar o curso com plena fluência na língua inglesa.  Os testes oficiais são os TOEFL iBT (Test of English as a Foreign Language – Internet Based Test) e o IELTS (International English Language Testing System), cujas médias das notas variam, respectivamente, entre 80 e 6,5.
ATENÇÃO: spoiler alert! Esses comprovantes são o padrão que costuma ser exigido, porém, as universidades podem solicitar documentos adicionais, que geralmente estão listados nos formulários de inscrição – mais uma vez, conte com a Eagle para saber todos os detalhes da seleção de sua Universidade dos sonhos 😉

VISTO F1: FINS DE ESTUDO

O visto F1 é uma autorização de residência para fins de estudo, ou seja, é necessário para fazer pós-graduação nos Estados Unidos. Essa é uma permissão temporária, válida pela duração do curso e muito usada por milhares de estudantes do mundo todo que querem ir aos EUA para estudar no país (undergraduate, graduate etc.) ou simplesmente aprender inglês. Por isso, para obter o visto F1, você já deve ter sido admitido na universidade desejada, ok? Para quem está em dúvida sobre tirar o visto de estudante no Brasil ou alterar o status quando já estiver nos EUA, vale a pena conferir nosso post sobre trocar de visto ou não, eis a questão!

O QUE É O MASTER’S DEGREE?

Nas universidades americanas, não há diferenciação entre a pós-graduação e o mestrado da forma como entendemos no Brasil. Quem está interessado em fazer pós-graduação nos Estados Unidos já sai com seu Master’s Degree novinho em folha! É uma certificação em que o acadêmico aprofunda seus conhecimentos na área escolhida, em um ambiente propício para enriquecer suas experiências no processo de ensino-aprendizagem. Os Master’s Degrees se dividem em Professional Degree, que é o mestrado profissional, uma especialização como o Master of Business Administration (MBA) para aprimorar a qualificação e o Academic Degree, para quem curte a vida acadêmica. São muito visados por quem quer cursar futuramente um doutorado, ficando a um passo da livre docência. Enfim, são muitos campos de estudo possíveis, em finanças, artes, tecnologia, marketing, educação, engenharia de petróleo e muito mais. Por falar nisso, já leu nosso post sobre fazer pós-graduação em administração nos Estados Unidos?

FINANCIAMENTO ESTUDANTIL

Um curso de longa duração nos EUA pode chegar a 60 mil dólares por ano, um investimento bem alto, mas é justamente isso: um investimento. Um super investimento que vai fazer sua carreira decolar. E o melhor: dá sim pra conseguir um baita impulso nessa decolagem pro infinito e além! Vem ver nosso post sobre como funciona o financiamento estudantil para estudantes internacionais, incluindo as opções de bolsas de estudo e os programas governamentais.

APÓS O CURSO, POSSO TRABALHAR NOS EUA?

Depois de fazer pós-graduação nos Estados Unidos, além de ter um plano de carreira empoderado, você pode buscar novas oportunidades profissionais no exterior. Uma delas é se qualificar para o Optional Practical Training, mais conhecido como OPT, que é uma autorização de trabalho temporária de até 12 meses após o fim do curso, ainda com o visto F1. Com essa permissão especial para atuar em sua área de estudo, é possível turbinar seu networking internacional e vivenciar na prática tudo o que aprendeu. E mais: alunos de STEM (Science, Technology, Engineering and Mathematics, ou seja, Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática) podem estender a validade do OPT para 29 meses no total. Aliás, já falamos das universidades do Vale do Silício, lembra? Agora é a hora de fazer seu currículo brilhar nos tons vermelho, azul e branco do Tio Sam (ou nas cores que você quiser)! A Eagle Intercâmbio te ajuda a dar uma guinada na sua vida profissional. Fale com a gente via messenger http://m.me/eagleintercambio!
https://www.youtube.com/watch?v=1NQKdt2i-70

COMPARTILHE

LEIA TAMBÉM!
TAGS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

EnglishPortuguêsEspañol

FAÇA UM ORÇAMENTO

Quer saber mais sobre Intercâmbio ou Vistos?
Preencha os dados abaixo e nossos consultores te ajudarão a ter a melhor experiência!